sábado, 10 de agosto de 2013

Summer cleaning - mais uma geral pelo escritório

Aos poucos, o meu escritório vai começando a assemelhar-se a uma divisão normal, mas, ainda, há o que fazer.

Como já não há locais específicos para destralhar (os montes desorganizados desapareceram), é a vez de dar gerais, ou seja, ir olhando para as prateleiras, para o chão, para cima da mesa e para dentro do armário e ir vendo aquilo que não faz falta, que está a mais, que não faz sentido...

Encontrei muita, muita coisa: pastas de arquivo, velas, livros, canetas que não escrevem (fui guardando para uma eventual colecção, mas nunca me dediquei, seriamente, a isso), objectos decorativos, papelada variada, sacos, bolsas...




Por outro lado, voltei ao início e ataquei, de novo, a caixa das tralhas (que já tinha sido destralhada). Claro que foram mais umas coisitas embora e consegui colocar, na caixa, outras coisas que estavam sem poiso, pelo que acredito que, se voltar a esta caixa, mais lá para a frente, haja mais destralhamento!


A caixa alojava caixinhas, calendários (mais uma colecção que insistia em fazer, mas à qual nunca me dediquei - foram oferecidos ao pai de uma amigo, que faz, realmente, colecção), cartões caducados (ginásio, transportes públicos variados, cartão jovem...), mais papelada, para não variar mesmo nada e uns desenhos do Ruca, que imprimi, há uns anos, para fazer umas artes (que, claro, nunca cheguei a fazer - os desenhos vão para casa de mamãe, para a sobrinha pintar quando lá for).

É um alívio ir-me livrando destas coisas e, quando, saem, realmente, cá de casa (quer seja para a reciclagem quer seja doado, é um peso que sai de cima de mim).

Tenho dispendido as minhas férias nesta labuta e acho que está a valer a pena.
Não sei se o fim das férias vai coincidir com o fim desta primeira fase de destralhamento (limpeza e organização geral da casa), mas isso não é o mais importante. O mais importante é o que tenho alcançado e aprendido: casa mais liberta de tralha e eu mais desprendida das coisas e recordações materiais. Tem sido uma vitória!

Resultado até ao momento:
Itens destralhados: 732
Dias passados:  222 (sendo que não comecei o projecto no início do ano)

Itens a destralhar: 1281
Dias até ao fim: 143

Ou seja, tenho que fazer 64% do destralhamento em 39% do tempo. C'est la vie!



Summer cleaning - a caixa das receitas

Para além do carrinho dos livros de receitas na cozinha, tenho (ou melhor, tinha) uma caixa cheia (a abarrotar, melhor dizendo) de receitas (folhas soltas, fascículos e revistas).
 

O processo para destralhar foi o seguinte:
- retirar tudo de dentro da caixa e separar por revistas, fascículos e folhas soltas;
- comecei pelas folhas soltas: olhei para cada uma delas (centenas) e escolhi o que achei interessante (algo que eu achasse que iria cozinhar ou de que gostasse do aspecto). Separei e/ou recortei o que fui achando que se encaixava;
- depois, os fascículos (tudo colecções incompletas), com o mesmo critério (não analisei receita a receita, fui pelo aspecto geral, pelo título do fascículo);
- de seguida, as revistas (que, também, não analisei receita a receita, fiz como nos fascículos);
- por fim, a organização das receitas soltas e dos fascículos em pastas de arquivo, o que levou a uma nova análise e a novo destralhamento.


Para além de muita coisa desinteressante, também, havia receitas interessantes, mas que sei que nunca iria cozinhar na vida (quer pela complexidade, pela dificuldade de encontrar os ingredientes quer pela falta de oportunidade para cozinhar para quem apreciasse esse tipo de comida), encontrei, também, receitas duplicadas (não só receitas duplicadas, mas todo um fascículo ou revista). É o que dá ir guardando tudo sem analisar, primeiro!

No fim, fiquei com 1 pasta de arquivo e meia de receitas (1 com fascículos e meia com folhas soltas) e várias revistas.
Não fiquei, totalmente, satisfeita, mas, foi um óptimo trabalho: 8 kgs de destralhamento! A maioria foi para a reciclagem (Papel por Alimentos, do Banco Alimentar, como habitual) e algumas revistas e fascículos foram dados, via Freecycle!

Foi tudo para uma prateleira do armário do escritório e a caixa ficou vazia!


terça-feira, 6 de agosto de 2013

Summer cleaning - o armário do escritório

O armário do escritório pedia (ou melhor, suplicava) uma arrumação há tempos e, apesar do antes e depois, não parecer muito diferente, o facto é que é: cd e capas de cd, papelada, caixas e caixinhas, 1 dossier, peças para manualidades, entre outras coisas que passaram da minha casa para outra, quer seja, reciclagem, doação ou venda.


O armário, ainda, precisa de um segundo destralhamento: as pastas de arquivo do lado direito estão vazias (e são o dobro do que se vê: estão arrumadas de forma a ocupar menos espaço),  tenho muito material de manualidades para rever (a encher a segunda prateleira a contar de cima) e, na última prateleira, no canto direito, tenho todas as fotos de casa de mamãe para digitalizar (tenho é que arranjar tempo e paciência).
Muito para fazer, como podem ver.


No fim, sobrou tudo isto: cerca de 104 artigos removidos!
Como obtive este resultado?
Retirei tudo de dentro do armário, analisei cada uma das coisas e, depois de limpo o pó, voltou só o que devia (pelo menos, o que devia voltar neste 1º destralhamento).




As usual, a Mi quer, sempre, aparecer na foto!

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

Summer cleaning - o escritório (again)

O escritório continua desarrumado e com tralha a mais, mas, já tem menos umas coisitas.


O processo é colocar-me no meio da divisão e rodar sobre mim mesma, devagar, e olhar para cada prateleira, para cada canto no chão, com muita atenção. E, assim, vou descobrindo mais coisas das quais me posso deslargar.

Tentei atacar o armário, mas cheguei à conclusão que, para isso, tenho de retirar tudo o que está lá dentro, e, por sua vez, implica que tenho mais espaço no chão em volta. Vai ficar para uma próxima vez. Desta, fiquei-me por uns artigos espalhados pelas prateleiras e gavetas.
Foi um destralhamento fácil e rápido: o monte da fotografia, com 24 artigos, foi encontrado e separado em cerca de 10 minutos.