sábado, 20 de outubro de 2012

Gatinhos da Rua

A minha tia e umas amigas ajudam gatinhos de rua, com alimentação, medicação, esterilizações, adopções e muito carinho e dedicação.

Algumas vezes por ano, organizamos vendas de garagem e de rifas, para angariar fundos para ajudar nesta tarefa diária de protecção destes lindos animais.

Até ao fim do ano, estamos a vender rifas, 0,50€ cada.
Em sorteio, está uma pintura, intitulada "Serra da Lousã", de Christine Hélène (gentilmente, cedida pela própria).

Todos os pormenores do sorteio, na página do evento no Facebook.

Podem comprar as rifas, através do mail gatinhos.da.rua[at]gmail.com, ou na página do evento.

Ajudem-nos, comprando rifas e partilhando esta venda.

Obrigada a todos!

sábado, 6 de outubro de 2012

E o destralhamento continua...

Sem a pressão de destralhar 3 objectos/coisas por dia, o destralhamento continua, cá em casa.
Voltei a antigos locais do crime, anteriormente, destralhados: quarto, wc, quarto extra e sala.
Encontrei mais coisas para deitar fora, algumas tralhas recentes e outras que não foram consideradas tralhas, no anterior destralhamento.


Na mesa de cabeceira do quarto, numa das prateleiras, dois frascos de perfume vazios e outro novo (não gosto do perfume e, como está novo [apenas sem a caixa] está à venda).



Na casa de banho, produtos velhos e/ou fora de prazo, frascos vazios e muitas amostras já secas.
O óleo de amêndoas doces mais parecia de amêndoa amarga... que cheiro!




No quarto extra, na escrivaninha, mais umas coisitas foram definidas como tralha: um acessório de um telemóvel (este já foi para a reciclagem há tempos), pins (acho que vou tentar vendê-los), um carimbo-caneta já seco (reciclagem), um gancho de cabelo em forma de flor dos tempos da faculdade (vou doar) e uma folha de papel (para a campanha Papel por Alimentos, do Banco Alimentar contra a Fome).



No móvel da sala, uma caderneta bancária de 2006 (reciclagem para a campanha Papel por Alimentos, do Banco Alimentar Contra a Fome, depois de bem rasgadinha) e uma caneta sem tinta (algum coleccionador interessado?).



E, na mala, na carteira dos talões de desconto, uma série de talões que acabaram em Setembro. Perdido na mala, uma senha de supermercado (nunca as deixo no supermercado; guardo, sempre, para reciclar ou, se ninguém estiver na fila, nem a tiro). Tudo para a reciclagem, na campanha habitual (ver acima).

10 sinais que explicam porque não temos mais dinheiro

Por sugestão da Rita fui ler o artigo da Francine Jay, intitulado 10 signs you're not as rich as you could be. Para além de ler o artigo, que achei muito interessante, fiz o exercício, por forma a concluir se os 10 sinais se aplicam a mim, à minha vida.
Concluí que, apenas, se verificam 3 dos 10 sinais e que um nem conta; por isso, aplicam-se 2 dos sinais. Assim, posso dizer que sou o mais rica que posso ser, o que é triste... ;-)

Senão, vejamos:
1 - são poucas as roupas que tem o tal do designer logo. Se vir bem, nenhuma das peças de roupa ou acessórios é de designer, com excepção do perfume.
2 - não tenho nenhum armazém (com excepção dos quartos extra cá em casa e a arrecadação em casa da minha mãe; mas, estes, não têm qualquer custo monetário).
3 - confere: a minha casa tem mais quartos que pessoas, mas temos de ter em conta que tenho dois gatos... heheh.. Agora, a sério: na zona onde resido, qualquer casa com menos assoalhadas iria custar muito mais que a minha. Por isso, este é o sinal que se confirma, mas que não conta.
4 - só bebo água da torneira quando estou em casa e no trabalho.
5 - é muito raro ir à manicure; aliás, acho que só fui 4 ou 5 vezes, em toda a minha vida.
6 - confere: tenho resmas e resmas de canais por cabo. Sinceramente, ando a pensar em mudar o tarifário, pois gasto muito dinheiro, por mês, em televisão e internet.
7 - o meu carro é lindo e maravilhoso, mas comprei o que estava e está dentro das minhas posses, em termos de aquisição e manutenção. Tem quase 6 anos e porta-se que nem um campeão!
8 - confere: o meu frigorífico e despensa estão, quase sempre, vazios; mas, ando a tentar resolver isso.
9 - acho que nem pus pés num centro comercial no último mês e se pus foi para acompanhar alguém.
10 - não tenho cartão de crédito, nunca tive e nunca vou ter. Nunca contraí créditos para pagar seja o que for, com excepção da minha casa.

Parece-me bem, apesar de poder mudar em dois aspectos (televisão por cabo e frigorífico com comidinha).

Agora, se, com todos estes sinais de poupança (e outros que nem são, aqui, mencionados), tenho o dinheiro que deveria ter e tendo em conta que, para o ano, os impostos vão ser tramados, estou bem lixada. Ninguém enriquece a trabalhar, é o que é!

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Destralhar 3 por dia

E, assim, se chega ao último dia do projecto "Destralhar 3 por dia".
Este mês, as publicações chegaram com algum atraso, mas espero que tenham servido de inspiração.

Como já falei em publicações anteriores, ainda há muito por fazer cá em casa. Não sei se vou voltar a dar asas a este projecto daqui a uns tempos ou se vou, apenas, publicando o resultado dos destralhamentos ocasionais, mas muito necessários. A ver vamos!

Setembro - dia 30


E, como o destralhamento, não tem que ser, obrigatoriamente, no local onde resido, aqui vos mostro o destralhamento que fiz no meu quarto de adolescente, em casa da minha mãe. É mais um sítio onde há muito por fazer e este foi, apenas, o primeiro passo. Tanto neste meu quarto como na arrecadação, estão guardados livros, cadernos e pastas da escola (desde a primária até à faculdade), recadinhos e mensagens, diários, brinquedos, livros. Sei que muitas dessas coisas vão continuar guardadas, mas sei, também, que, muitas delas, encontrarão fim: outra casa, lixo ou reciclagem.

Irei dando notícias deste progresso sempre que puder fazer o destralhamento!

Como podem ver, foram muito mais que 3 objectos. Não os contei, mas temos de tudo um pouco: estojos, agrafos, horários escolares, molduras, caixas, porta-moedas, lápis, baralhos de cartas, pins, papelada diversa...
Alguns foram separados para a reciclagem no âmbito da campanha Papel por Alimentos do Banco Alimentar contra a Fome (papelada, correspondência antiga, horários escolares...); outros vão ser doados (lápis, estojos, agrafos...); outros foram para o lixo e, por fim, outros estão à venda (carteira, poster futebol, moldura...)

Setembro - dia 29


1 autocolante para colar no vidro do carro e colocar o selo da inspecção ou outro. Alguém quer?

1 livrinho de receitas com publicidade a produtos Pingo Doce. Vou retirar as receitas que me interessam e o resto vai para reciclar, no âmbito da campanha Papel por Alimentos, do Banco Alimentar Contra a Fome.

1 bateria de máquina fotográfica. A máquina "morreu" aqui há uns anos e foi substituída por outra. Infelizmente, para não variar mesmo nada e tal como acontece, por exemplo, com os telemóveis, os acessórios não são compatíveis com o equipamento novo, mesmo que seja da mesma marca e linha, como é o caso. Está à venda.

Setembro - dia 28


Mais um porta-chaves do Ikea (será que se multiplicam cá em casa?).
Tanto o porta-chaves como o copo porta-canetas/lápis, são para doar.
O enfeite para a maçaneta de porta foi, por lapso meu, comprado em duplicado e, agora, está à venda.

Setembro - dia 27


Mais uma vez, a Pipa a dar apoio moral. Ela está a dar o aval, para que aquele brinquedo possa ser doado a gatinhos desfavorecidos. Aqui em casa, é assim: somos todos solidários!

Para além do brinquedo para gatos, dois frascos que foram para o lixo, pois não sei o que é feito das tampas.

Setembro - dia 26


3 livros.
1 repetido.
2 que não me interessam. Estes dois (os roteiros gastronómicos) estão à venda.

Setembro - dia 25


Os relatos do destralhamento estão muito atrasados, mas, hoje, vão ficar todos disponíveis.

No dia 25, foram para a reciclagem 3 frascos de plástico que estavam guardados porque poderiam ser úteis para guardar qualquer coisa. A realidade é que dois deles estavam à espera dessa utilidade há anos e o outro juntou-se-lhe há poucas semanas. Mas, utilidade que é bom, nada! Só estavam mesmo a encher espaço.

Agora, irão ser úteis na criação de outros materiais: reciclagem!
Excepto, as tampas que guardo para o Projecto Tampinhas.

Nota: a Pipa está ali para me dar apoio nesta longa e árdua tarefa do destralhamento do nosso lar!

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Setembro - dia 24


1 peça de roupa estragada (lixo), um colar que me foi oferecido (à venda) e um bando de CD emprestados que vão voltar a casa dos donos.

domingo, 23 de setembro de 2012

Setembro - dia 23


Mais coisas que comprei em vendas de garagem para apoiar o projecto por detrás das mesmas. Não lhes dou uso e estão a encher a minha casa, quando poderão encher a vida de outra pessoa. A máquina fotográfica e as peças em estanho estão à venda.

Setembro - dia 22


Livros técnico e de gestão: um que já não faz sentido e outros que foram folheados, mas que já não me fazem falta. Tudo à venda.

Setembro - dia 21


Voltei aos livros... comprados há anos e que nunca foram lidos.
Foram todos colocados à venda: Acabados Decorativos (em castelhano) e colecção Executive Digest.

Setembro - dia 20


Mais um porta-chaves/moeda para carrinhos de compras e duas moedas para o mesmo fim. 
O porta-chaves vai ser doado. As moedas vão voltar à sua origem: vou entregá-las no supermercado onde as pedi. Tenho outra que está no carro e que vou colocar na carteira (é que tenho tantas coisas destas, porque me esqueço de as levar comigo para o supermercado e, depois, tenho de pedir outra).

Setembro - dia 19


A minha garrafinha reutilizável. A primeira que tive em adulta. Há uns tempos ficou perdida num local de recuperação difícil e, recentemente, recuperei-a.
Questão: entretanto, tive de adquirir outra e ofereceram-me outra. Assim, esta vai ser bem lavadinha e doada.

Um pin que encontrei na rua há imenso tempo e que trouxe para casa, por lhe ter achado graça. Também, vai ser doado.

Um baton de cieiro (que, na prática, é o único tipo de baton que uso) acabado. A tampa foi separada para o projecto de recolha de tampas e o resto foi para a reciclagem.

Setembro - dia 18


Mais 3 frascos para doar.
Acredito que ainda vou encontrar mais!

Setembro - dia 17


Resmas e resmas de lâmpadas que trouxe de casa da minha avó para levar para a reciclagem e que estão cá em casa há... demasiado tempo!
E duas caixas de ovos vazias que vão para a minha mãe guardar os ovos das galinhas lá de casa.

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Setembro - dia 16


Livros, de novo. Mas, desta vez, é um destralhamento diferente. Estes livros foram-me emprestados, há anos, pelos seus donos. Ainda não foram lidos (com excepção do de Saramago que bem tentei...) e, como não há perspectivas de os ler, vão ser devolvidos.

Setembro - dia 15


Voltei aos livros... algo que me custa e que sei que tenho que voltar...

Esta colecção é sobre as Grandes Batalhas História Universal. Comprei há uns anos, provavelmente, uma colecção que vinha com um jornal ou revista. Uma colecção de livros que mal abri e que pouco me interessa ler. Não é que não seja interessada na matéria, mas há outras formas de obter informação, mais informação, sobre as matérias em questão.
Por isso, estão à venda.

Setembro - dia 14


Roupa de bebé... estranho para quem não tem filhos, certo?

Estão à venda a um preço baixinho:

Setembro - dia 13


O destralhamento continua, se bem que as publicaçoes andem atrasadas. Espero ultrapassar esta questão até ao fim do fim-de-semana.

O escritório voltou a ser vítima:
- selos e porta-chaves - vou oferecer a um amigo que faz colecção de ambos
- 1 cabo (está dentro do plástico, ainda, fechado - não faço a mais pálida ideia do que se trata) - vou vender

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Setembro - dia 12


Mais papelada... que parece coisa sem fim, nesta minha casa.
Dois guiões de teatro (que tenho em versão PDF) e o catálogo de uma loja de cosmética, que chegou, há uns dias. Tudo para a campanha Papel por Alimentos, do Banco Alimentar.

Setembro - dia 11

Uma volta na cozinha e o resultado foi:
- 2 pacotes de farinha fora de prazo
- 1 garrafão de óleo usado que aguardava há semanas a ida ao oleão


Setembro - dia 10

Voltei às revistas: a T está à venda; a Agenda Cultural  e a revista da Nivea foram para a campanha Papel por Alimentos, do Banco Alimentar.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Setembro - dia 9

Uma almofada rolo (tenho outra mais bonita e direitinha) e uma almofada "normal" (tenho mais que muitas, cá em casa). Ambas para doar!
Uma caixa de música da Chicco, com a música "O meu chapéu tem três bicos" - À venda

Setembro - dia 8

Revistas... há uns tempos fiz uma limpeza ao porta-revistas e, uma série delas, foram para reciclar.
Entretanto, entraram mais umas quantas (não muitas) cá em casa.
Estas 3 estão à venda: 2 Exame e Sport Life.

quarta-feira, 12 de setembro de 2012

Setembro - dia 7


O escritório, de novo. 
Bem sei que, ainda, há muito que destralhar por lá. 
Bem sei que há coisas que não fazem sentido estarem cá em casa, seja por estarem estragadas, seja por não serem utilizadas:
- 1 livro que comprei há 17 anos e que nunca consegui ler (não se me entranha) - À venda
- 1 bambu quase seco - Lixo
- 1 colar que nunca usei (comprei, porque o achei bonito - e continuo a achar - mas não me gosto de ver com ele - À venda

domingo, 9 de setembro de 2012

Setembro - dia 6


O escritório ainda dá frutos e a colheita vai ser longa.

Desta feita:
- 1 caixa de tabaco de enrolar (não, não fumo; mas, às vezes, peço para guardar estas caixas, pois dão jeito para guardar coisas). Vão guardar coisas para dar a um casal amigo - DAR

- 1 cd que está para aqui há anos e que nunca serviu para nada. O papel foi para a campanha do Banco Alimentar e o cd está à espera de fim (os cds não podem ser reciclados a não ser que sejam usados em projectos de artes manuais, por exemplo. Alguém sabe de quem esteja interessado neste tipo de material?)

- 1 corda de saltar, nova em folha. Comprei-a há uns anos na Decathlon, mas só quando cheguei a casa e depois de ter aberto a embalagem é que percebi que é grande demais para mim e não dá para adaptar - VENDA

Setembro - dia 5


Pois é, as coisas que se encontram nesta casa:
- 2 conjuntos de unhas de bruxa (comprei o ano passado para um projecto em que participei, mas não cheguei a usá-las) - à venda (aqui e aqui)
- 1 papel de embrulho a que achei graça e, por isso, guardei - reciclagem

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Setembro - dia 4





Enquanto vejo o programa Hoarders, no TLC, publico este post.
3 objectos, ou melhor, conjuntos de objectos que comprei numa Venda de Garagem por lhes achar graça e para ajudar quem estava a vender.
3 objectos que nunca utilizei e que, provavelmente, nunca utilizarei.
3 objectos que estão à venda: manteigueira, galheteiro, açucareiro.

Setembro - dia 3


Desta feita, a vítima foi o roupeiro do quarto:
- 19 t-shirts e tops, para doar
- 1 massajador eléctrico, que está à venda

Setembro - dia 2


Antiguidades... duas cassetes de video. E nem há leitor cá em casa. Estão, ambas, à venda: Black Adder e Enrique Iglesias.
Quanto ao para-sol para automóvel, se encontrar as ventosas, vou doá-lo; caso contrário, lixo!

Setembro - dia 1


O primeiro dia, deu origem a isto:
- 4 garrifinhas de óleo de cozinha com sabores (todas fora de prazo) - LIXO
- 1 saco de molas para embalagens de alimentos (não gosto deste tipo de molas) - À VENDA
- 1 saco pasteleiro (tenho outro, mais prático) - À VENDA

Destralhar 3 por dia - Setembro

Inspirada, mais uma vez, pelo blog Destralhar e porque há muito a fazer neste meu lar, reiniciei o projecto destralhar 3 objectos por dia.
O projecto irá decorrer durante o mês de Setembro, se bem que os posts, no início, estão a ser publicados com um pouco de atraso.

Apanhem a onda e destralhem a vossa casa, também; ou então, vejam o progresso na minha!

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Destralhar 3 por dia

Cheguei ao fim!
Não que não haja mais destralhamentos a fazer cá em casa. Muito pelo contrário: a obra vai ser demorada.

Ao fim de 31 dias de destralhamento, a 3 peças por dia, o objectivo foi, largamente, ultrapassado. Foram destralhadas mais do que 93 peças durante um mês e, para além disso, mantive-me no caminho da limpeza, arrumação e organização da minha casa e da minha vida.

As últimas publicações chegaram um pouco atrasadas devido às férias, mas cheguei a bom porto.

Irei dando novidades de destralhamentos posteriores!

Dia 31


No último dia do projecto "Destralhar 3 coisas/peças por dia", eis o que obtive:
- 1 caderno de folhas quadriculadas (vai ser dado a quem se mostrar interessado)
- 1 porta-chaves que detesto (vou tentar vendê-lo)
- 6 pilhas para reciclar

Dia 30


Nestas minhas deambulações para o destralhamento de 3 coisas por dia, encontro com cada uma:
- 24 "pés" para velas de bolo de aniversário (vou doar)
- 1 pega de um saca-rolhas (lixo... o saco rolhas já foi para o lixo há muito)
- 4 embalagens de pudim (como estão dentro do prazo, vou dar a quem se mostrar interessado)

sábado, 18 de agosto de 2012

Dia 29

Mais coisas que estão muito longe de fazerem parte do meu estilo de vida: talheres de plástico e palhinhas de plástico, ambos descartáveis. Blerghh!!!

E uma forma de gelados que usei uma vez e, tendo em conta que foi comprada há meia dúzia de anos... vai ficar melhor na casa de alguém que lhe dê uso!


sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Dia 28

Bijuterias que vieram nem sei de onde:
- 1 pulseira feita de alfinetes-de-ama e contas (vou arranjá-la e vendê-la no OLX, para angariar uns trocos para ajudar animais de rua)
- 1 par de brincos sem arranjo possível (lixo)
- 1 colar (vou arranjar e logo se vê!)


quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Dia 27

Quase no fim do projecto, ainda se encontram coisas... muitas coisas...:
- 1 caderno de linhas com algumas folhas a menos, que vai ser dado a quem se mostrar interessado
- 1 livro que vai ficar à venda no OLX
- alguns pratos e talheres de plástico descartáveis, que não fazem, de todo, parte do meu estilo de vida (vão ser doados).

quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Dia 26

14 frascos de vidro que vão ser doados (tenho de descobri se há pessoas interessadas nisto para, por exemplo, fazerem compotas caseiras).


terça-feira, 14 de agosto de 2012

Dia 25


O escritório continua a "oferecer" coisas para o destralhamento em 30 dias...

Desta feita, para doar:
- 1 lapiseira
- 7 lápis do Ikea
- 1 lápis reciclado
- 1 borracha
- 2 clips

Para tentar vender:
- embalagem de perfume (que pode ser utilizada para caixa de lenços, por exemplo)

Para o lixo:
- 12 canetas (para a reciclagem, depois de separadas as tampinhas)
- 1 pincel
- 1 cd de um monitor que já foi para a reciclagem

Total do destralhamento: 27 "coisas"

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

Dia 24


Carregadores de telemóvel, webcam, microfones, router wireless e cabos, muitos cabos.

Está tudo à venda num site online.
Se não os vender num prazo de 1 a 2 meses, vão ser reciclados!

domingo, 12 de agosto de 2012

Dia 23


E a quantidade de coisas que não uso que, ainda, estão cá por casa, não páram de aparecer:
- duas alças de malas; alças que nunca foram usadas (não gosto de alças grandes)
- 4 ganchos de cabelo que não uso há anos (já não gosto de usar ganchos; uso mais elásticos ou molas)
- 1 espécie de mini-dossier vazio (era uma agenda, mas agora é algo para o qual não tenho utilidade)
- 1 pequeno bloco de folhas para notas
- 1 pequeno rádio pórtatil a pilhas
- 1 auricular que nunca foi usado de um telemóvel que já foi para a reciclagem

O rádio a pilhas descobriu nova vida: coloquei-lhe pilhas e ainda funciona. E o auricular já está à venda num site online. Tudo o resto vai ser doado!

sábado, 11 de agosto de 2012

Dia 22


Tudo peças que comprei numa venda de garagem para apoio a gatinhos necessitados, para ajudar e porque lhes achei graça.
Tudo peças que nunca usei, que estão guardadas a ocupar espaço e a perder vitalidade. Têm que ser usadas por alguém: foi para isso que foram criadas.

Assim, as 3 taças (2 verdes e 1 transparente) vou dar a uma amiga, caso ela esteja interessada. Os 4 copos de shot, vou tentar vendê-los e angariar mais uns euros para os animais.

Destralhamento: 7 itens!

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Dia 21


Mais manuais e catálogos:
- 1 manual Macromedia Freehand
- 1 manual Quark Express
- 4 catálogos de uma editora de livros (entre 2002 e 2004)

Tudo reciclado no âmbito da campanha Papel por Alimentos

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Dia 20


Contra-ataquei no escritório: 4 manuais de versões antigas de software.
Ainda vou tentar vender o do Corel Draw, para algum coleccionador, mas o resto vai para a reciclagem (campanha Papel por Alimentos).

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Dia 19


Duas pastas transparentes (uma branca e outra amarela) - doadas ao ATL
O catálogo 2006 de Associado de uma instituição financeira - reciclado para a campanha Papel por Alimentos
Um livro que comprei numa venda de garagem, li e não quero ficar com ele - vou registar no Bookcrossing e libertar